Skip to main content

Empresas movidas a dados superam significativamente seus pares

Existem atualmente 40 trilhões de gigabytes de dados por aí – isso é mais dados do que grãos de areia na terra. E mais está vindo. É possível obter inteligência acionável e lucrativa dessa avalanche de informações? Para se tornar uma empresa movida a dados, em vez de uma empresa danificada por dados? Queríamos descobrir.

No último relatório do  Capgemini Research Institute  –  A empresa movida a dados: por que as organizações devem fortalecer seu domínio de dados  –  entrevistamos 500 executivos de tecnologia e 500 executivos de negócios, conduzimos entrevistas detalhadas com mais de 15 executivos e examinamos a relação entre o domínio dos dados e o desempenho financeiro das organizações. Descobrimos que as organizações ainda têm algum terreno a percorrer quando se trata de tomada de decisões e ações baseadas em dados, com apenas 39% transformando insights baseados em dados em uma vantagem competitiva sustentável. Isso pode ocorrer porque apenas 20% dos executivos de negócios confiam em seus dados, geralmente por serem de baixa qualidade. A pequena minoria que o faz, no entanto, desfruta de uma vantagem significativa de desempenho em relação ao resto, vendo rentabilidade até 22% maior e receita 70% maior por funcionário. Estes são os “ Data Masters ”.

Os Data Masters sabem como usar os dados para proteger os resultados de negócios. Eles são capazes de transformar dados e percepções em ações porque têm a infraestrutura, a governança e as operações necessárias. Além disso, eles sabem como aproveitar dados externos e aprimorar seus insights, para sua vantagem considerável.

Não basta apenas ter os dados. Você tem que aprender a confiar nele e também saber como usá-lo. Para obter mais informações sobre como sua organização pode se tornar um mestre de dados,  baixe o relatório .